Connect
To Top

Verão: o que usar e evitar para fugir do calor!

Em dias quentes nos homens sofremos em busca de algo que fique bacana e não seja uma sauna ambulante. Então hoje vou falar um pouquinho sobre os melhores tecidos para usar (ou não) no calor. Já que estamos em pleno verão!  Para começar uma dica importante, fique longe do sintético! Calma, não precisa virar expert em tecidos para saber identificar os sintéticos. Apenas olhe na etiqueta de composição da peça. Se estiver escrito poliéster, deixe a roupa no armário, durante o verão pelo menos. Sabe por quê? O tecido sintético não deixa o corpo respirar, então causa uma bela sensação de desconforto no calor. Fora que o suor fica com um cheiro até mais forte. Os seus aliados nestes dias quentes são o linho e o algodão, que são fibras naturais que permitem ao corpo respirar, sendo as opções mais frescas para o verão.masculino3

O querido linho, eu sei, já traz aquela imagem na cabeça do terno branco, camisa aberta, corrente de ouro. Mas não é bem assim, tá? Esse tecido de fibra natural é super maleável, confortável e clássico. Você pode experimentar camisas de linho (lisas ou estampadas), bermudas, calças, terno e assim por diante. Tudo de linho refresca e ainda é prático, já que mesmo amassado fica chique. Mas fique de olho no caimento: prefira peças com fit mais slim, pois assim o look fica mais polido e moderno. linho2

Para aqueles que ainda não se apegaram ao linho, escolham peças feitas com tecidos de 100% algodão. Você vai achar uma variedade imensa de camisas e camisetas de algodão, de lisos a estampados, e qualquer uma é excelente para dias quentes. No caso de bermudas e calças, a sarja (um tipo de construção do tecido feito de algodão, lã ou ambos) é uma ótima pedida. Ela é leve e pode ser usada tanto em situações sociais quanto casuais. Experimente cores e estampas diferentes para fugir do básico — não que o básico seja um problema, mas às vezes é bom variar. E se você tem uma ocasião formal, os ternos de sarja de algodão são uma excelente opção.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja mais Destaque